Quinta das Covas

ciclo festivo

“A festa no trabalho tornava apetecidos aqueles convívios laborais. Podia faltar noutros dias, mas no jantar (almoço) da segada «toda a gente tinha prazer p’ra apresentar o melhor que tinha: presunto, cordeiro, cascanho*, orelha, butelo»”.

É assim que o historiador Belarmino Afonso descreve os trabalhos no campo, há 40 anos atrás, na sua investigação sobre “Roçadas e Tradições comunitárias no Planalto da Lombada”.

Na verdade, em Trás-os-Montes, os meses do ano são acompanhados de muitas festividades, que constituem um Ciclo Festivo.

Estas festas foram, e ainda são, não só determinadas pelo calendário litúrgico, mas também pelos trabalhos agrícolas. Cada trabalho desenvolvido na agricultura é acompanhado por momentos de festa, onde a comunidade se reúne, imbuída num espírito de árdua mas alegre labuta. 

A Quinta das Covas, com objectivo de fazer perdurar o que de mais autêntico há em Trás-os-Montes, organiza um Ciclo Festivo, através da realização de cinco festas, ligadas às tradições e aos trabalhos agrícolas. Neste Ciclo Festivo, haverá lugar para a venda, degustação e exposição de produtos regionais, bem como para a divulgação do receituário típico, onde os visitantes poderão apreciar a gastronomia, as paisagens, os saberes e o afável acolhimento das gentes transmontanas.

*cascanho – pão, casqueiro.



Ciclo Festivo
Quinta das Covas - Onde a Excelência do Serviço é uma Realidade.

© Copyright - A.Montesinho, Turismo